terça-feira, 8 de agosto de 2017

Armando Monteiro sofre primeira baixa no agreste meridional por postura pró-reformas e aproximação com o governo Temer

Armando Monteiro sofre primeira baixa no agreste meridional por postura pró-reformas e aproximação com o governo Temer

Image result for washington cadete e armando monteiro

O advogado, Washington Cadete, de São Bento do Una, que nas eleições de 2014 foi candidato a deputado estadual pelo PTB, obtendo uma boa margem de votos e que em 2016, foi candidato a prefeito e obteve uma expressiva votação, não sendo eleito por uma pequena diferença, anunciou que está deixando o PTB, do senador e pré-candidato a governador de Pernambuco, Armando Monteiro.

Segundo explica a nota de Cadete, o mesmo escreveu carta à Armando, discordando dos rumos do partido petebista no estado, bem como sua postura pró-reformas e aproximação com o governo do presidente, Michel Temer (PMDB). O advogado reafirma a admiração que tem pelo senador e diz que não apoiará ninguém ao governo do estado que tenha entre seus aliados ministros do governo Temer.

Confira a nota na íntegra

Inicialmente registro meu respeito por sua pessoa, afirmando que minha presença no Partido Trabalhista Brasileiro — PTB se deu, unicamente, em decorrência de sua história e sua luta na defesa da candidatura da Presidente Dilma, sucessora de Lula, que sempre estiveram em defesa do povo e cuidaram do Nordeste com tratamento diferenciado.
Incomoda-me e discordo frontalmente com a posição do PTB que tem na Presidência Nacional um ex-presidiário, condenado por atos conhecidos de todos, que publicamente reclama um Ministério para a própria filha e a condução do Partido ao declarado apoio ao Governo Temer.
Enorme e significativa parcela da sociedade, em percentagens superiores a noventa por cento, rejeitam o Governo Temer, e o PTB preferiu ouvir o canto da sereia, ou do Temer, deixando boa parcela de seus filiados decepcionados.
Discordo   das   reformas   trabalhista previdenciária, realizadas a toque de caixa, sem a participação dos trabalhadores, principais interessados, por um Governo ilegítimo e golpista Discordo não se permitir a investigação da conduta do Temer, mais de oitenta por cento da população indicou concordar e o PTB se recusou a ouvir os anseios da rua, com a ressonância de se defender a estabilidade política, em favor de um Governo decrépito, corrupto, golpista, e sem apoio popular.

Assim repito, decepcionado e frustrado com a conduta do Partido e principalmente da ausência de consulta às bases, afasto-me do PTB, e apenas para registro, adianto que não estarei com nenhuma candidatura que tenha a presença de Ministros do Governo Temer.
Mantenho minha admiração pessoal por sua pessoa e coloco-me à disposição.
Atenciosamente,

Washington Cadete

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente com responsabilidades, não ofenda e nem acuse a quaisquer cidadão. afinal o blog, o blog é de vocês.